quinta-feira, 28 de junho de 2018

1+3 | 13 Qualidades

Sem dúvida que este tema do desafio foi o mais difícil até agora! Não por pensar que não tenho esse número de qualidades mas por nunca ter tido a oportunidade (ou o desafio) de ter pensado em 13 qualidades em mim.
Posto isto aqui estão as minhas 13 qualidades:

Boa ouvinte | Como é obvio esta qualidade é algo que eu não posso mesmo verificar mas gosto de acreditar que quando os meus amigos ou família precisavam de falar com alguém sabem que podem contar comigo e gosto de pensar que não os desiludo.

Sou apaixonada | Pelo que estudei, pelas pessoas à minha volta, por tudo o que faço, pelos meus hobbies. Não gosto de fazer coisas sem investir pelo menos alguma paixão, sem investir alguma da minha personalidade.

Sou lutadora | Aprendi bastante cedo que a vida nem sempre é justa e que nem sempre vai correr como nós esperamos, talvez por isso mesmo eu sei que as coisas não nos chegam sem nos fazermos algo por isso. Eu luto pelas minhas pessoas, pelos meus objectivos (embora alguns sejam mais difíceis do que outros), pela felicidade, pela saúde.

Sou atenciosa | Gosto que as pessoas se sintam bem quando estão comigo e por isso mesmo tenho sempre em atenção o que as pessoas gostam. Se eu posso fazer alguma coisa para que as pessoas se sintam bem e felizes então eu vou fazer e não tenho medo de mostrar que gosto de estar com elas.

Sou curiosa | Gosto muito de aprender coisas novas, posso já não ser criança mas nunca deixei de ser uma pessoa curiosa, se calhar foi um dos motivos que também me levou a entrar na universidade. Isto também se traduz na minha vontade e gosto por viajar, sem dúvida que parte de mim adora viajar para puder aprender mais acerca do local que visita e da sua cultura.

Os meus olhos | Sem dúvida que é das partes do meu corpo, neste caso da minha cara, que eu mais gosto. Os meus olhos são grandes e expressivos, transmitem aquilo que eu estou a sentir na altura. É como dizem os olhos são o espelho da alma.

O meu sentido de humor | Sem dúvida que isto foi herdado do meu pai, o meu sentido de humor seco.  Eu gosto de acreditar que mesmo assim tenho mais piada do que o meu pai, que sei quando aproveitar os momentos e que sou rápida a fazê-lo, mas é claro que nem sempre resulta mas eu não deixo de fazer as minhas piadas.

Aprendo rápido | Como toda a gente diz ninguém nasce ensinado por isso mesmo não tenho medo de pedir que me ensinem a fazer as coisas, mas apesar disto tenho uma boa capacidade de aprendizagem e de memória.

Sou amiga dos meus amigos | Gosto que os meus amigos saibam que sempre que precisarem eu estarei lá para eles, que se precisarem de ajuda eu estarei lá, se precisarem de conversar, se apenas precisarem de companhia nas compras, entre outras coisas.

Não tenho medo de admitir os meus erros (e pedir desculpa) | Acho que é humano, e inevitável,  uma pessoa cometer erros e acho que o facto de se conseguir admitir os nossos erros e pedir desculpa seja algo corajoso, até porque hoje em dia isso parece que se vê cada vez menos.

Sou uma boa pasteleira | É um dos meus maiores hobbies e é algo que simplesmente me acalma. Desde que era pequenina que eu ajudava a minha mãe a fazer as sobremesas para os almoços/ jantares de família ou de amigos, ajudava principalmente na parte de rapar a taça. Passados alguns anos essa tarefa foi passando para mim, foi algo natural e que fez sentido tanto para mim como para a minha mãe.

Sou realista | Não pensei que eu não sou também uma sonhadora, eu tenho os meus sonhos tal como toda a gente, mas tenho a plena noção de quais se podem vir a realizar e aqueles que são apenas sonhos e que são especiais por isso mesmo. E eu sei muito bem que esses meus sonhos nunca se vão realizar se eu não trabalhar, se eu não me dedicar a eles, se eu não investir.


Sem comentários:

Enviar um comentário

Seguidores